Disponibilidade

Tenho passado muito tempo pensando sobre a palavra disponibilidade. Acho que o maior presente que eu me dei e passei a dividir com as pessoas foi este. Disponibilidade para fazer moqueca no aniversário do pai (no meio da semana). Disponibilidade para fazer natação com a filha de um ano. Disponibilidade para TODO DIA ir á pracinha com o filho, ajudando na integração dele (aliás, fizemos bastante progresso ontem). Disponibilidade para sair de casa, tomar café com uma amiga e voltar (avisada 10 minutos antes). Disponibilidades infinitas que poderia seguir listando, listando...
E esta disponibilidade revolucionou a forma como eu levo minha vida. Eu sou planejada, quem me conhece sabe. Mas agora eu deixo mais espaço para o improviso, aproveitar o momento, carpe diem, etc.
E eu voltei a me sentir um pouco criança, com esta recém (re)adquirida capacidade de me maravilhar com as coisas mais singelas e cotidianas. Vida com sabor. E eu sou grata por isto.