Dragões, porque não?


Léo, Lucrécio e eu fomos ver "Como treinar seu dragão" em 3-D. Adorei! Os fãs de cinema-arte me perdoem, mas sou apaixonada por estes filmes. E sempre vejo alguma filosofia por trás. Como a relação entre pai e filho do filme... Enfim, simples. Tudo simples. Mas nem tudo está perdido... Adoro"Peixe Grande" também...
Em tempo, descobri que a galocha que comprei está mais ou menos três vezes mais cara numa loja do Largo do Machado... Outra vantagem da internet.
Em tempo, o dragão da imagem é o "Fúria da Noite", preferido por Léo e eu.

Marcadores: ,