Presente-experiência

Tenho pensado bastante em como transformar o conceito de presente e presentear, á luz de minha epopeia pela simplificação.
Presentes são atos de amor, mas podem gerar mais "tralha" na vida e na casa da gente.  Primeiro, muitas vezes sentimos um remorso incrível em trocar ou repassar  presentes de que não precisamos. Segundo, raramente ganhamos exatamente o que estamos buscando, exceto de quem é muito próximo de nós.
Por outro lado, muitas das lembranças mais memoráveis que tenho vieram de ideias que custaram pouco dinheiro, mas demandaram pensamento e afeto de quem presenteou.
Valorizo (e me recordo) muito mais de mensagens, cartas e gestos do que de bens que recebi ao longo de minha vida. Um exemplo foi um cartão de dia dos namorados acompanhado de arquivo powerpoint feito pelo Lucrécio. Ou os cartões que Mariana sempre fez de presente para nós. Ou a dança que Lenise, minha cunhada, escolheu para dançar para mim em um querido natal. Ou a caixinha "Cheer it up" que inventei para minha irmã quando ela andava meio tristinha.  A lista é grande...
Enfim, quero lançar a campanha do presente-experiência.
Funciona assim:  ao invés de comprar coisas, você pode escrever uma mensagem, pintar um desenho, customizar uma roupa, fazer uma paródia, gravar um cd, etc.
Se quiser mesmo gastar dinheiro, pode dar um vale- ingresso de cinema, um vale-massagem ou outro vale-experiência.
Pode também doar bens mais valiosos, como por exemplo, tempo: que tal uma noite para o presenteado sair com o companheiro/companheira sem se preocupar com as crianças?
Algumas opções podem ser mais caras, portanto ideais para presentes conjuntos. É o caso dos kits Smartbox ou o AVida é Bela.
Finalmente, há um presente muito especial, que é dar para quem precisa mais. Sei que é difícil, mas há soluções muito bacanas. Em um natal, dei para cada família querida uma carta daquelas que as crianças/famílias carentes mandam para os Correios todos os anos, com pedidos muitas vezes singelos. Foi um grande sucesso e me senti muiito bem.
Enfim, neste ano, me dê um presente experiência e dissemine a ideia. Todo mundo sai feliz.
Para aprofundar a discussão, sugiro a leitura de um seção muito bacana do unclutterer.com. Enjoy!

Marcadores: , ,