O melhor lugar do mundo é aqui e agora

"Ontem é história. Amanhã é mistério. Hoje é uma dádiva. Por isso se chama presente!"
Mestre Oogway em Kung Fu Panda

Capricorniana que sou, prezo muito o Tempo. Vivo alegre a trafegar entre suas dimensões: o passado, o presente e o futuro.
Já fui muito escrava do passado através de seus filhotes mais amargos, o ressentimento e a nostalgia. Hoje procuro uma relação mais amiga,
através das memórias felizes e do respeito a meus ancestrais, as famosas raízes fundas... Aprender com o que passou é ótimo. Relembrar os dias mais quentes da vida, um alento para o coração. Mas viver do que já era, preso ao que não será jamais o mesmo... Endurece a gente. Conheço pessoas que se fixaram numa época. Percebo pelo penteado, pelo discurso, pelo jeito de vestir a roupa. Ficam assim, descolados da vida real, personagens de um filme antigo.
O futuro também é um lugar especial, da visão, da esperança, do progresso. Mas outro passeio perigoso, se nos impede de usufruir do que acontece agora, neste exato minuto e instante. Procrastinar felicidade ou adiar decisões esperando o momento perfeito.... Não é possível estocar tempo bom. Se o sol saiu, vá para a praia...
O presente é difícil.  Real, cru, sem o sépia dos tempos idos nem o cor-de-rosa dos tempos vindouros. É ali, cores saturadas, trilha sonora de ação. Capturar a beleza do tempo correndo é um desafio enorme, mas é o que nos dá sentido e gratidão concretos, na ponta dos dedos. Eu vivi isso na viagem á Califórnia. Muitas vezes, ao olhar o horizonte de brumas do Big Sur californiano, eu pensei: meu coração vai estourar de tanta beleza e poesia. Vai estourar AGORA. E dava uma vontade de rir e de chorar, que agora é memória feliz, mas naquele instante era uma dádiva.

mbiru.com
No meu casamento, escolhemos um texto lindo do Eclesiastes:
"Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.  Há tempo de nascer, e tempo de morrer; tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou; Tempo de matar, e tempo de curar; tempo de derrubar, e tempo de edificar; Tempo de chorar, e tempo de rir; tempo de prantear, e tempo de dançar; Tempo de espalhar pedras, e tempo de ajuntar pedras; tempo de abraçar, e tempo de afastar-se de abraçar; Tempo de buscar, e tempo de perder; tempo de guardar, e tempo de lançar fora; Tempo de rasgar, e tempo de coser; tempo de estar calado, e tempo de falar;Tempo de amar, e tempo de odiar; tempo de guerra, e tempo de paz.  Que proveito tem o trabalhador naquilo em que trabalha? Tenho visto o trabalho que Deus deu aos filhos dos homens, para com ele os exercitar. Tudo fez formoso em seu tempo; também pós o mundo no coraçäo do homem, sem que este possa descobrir a obra que Deus fez desde o princípio até ao fim. Já tenho entendido que näo há coisa melhor para eles do que alegrar-se e fazer bem na sua vida; E também que todo o homem coma e beba, e goze do bem de todo o seu trabalho; isto é um dom de Deus."
Há um tempo para tudo e o tempo certo virá. Mas fazer com o momento de agora o que tem que ser feito... Isso é viver.  Ser grato agora, abraçar a oportunidade agora, ir para a chuva ou para o sol. A raridade do momento único que se desvela diante de nós. Não esperemos que seja lembrança ou desejo frustrado.
Vivemos todos em nosso pedaço preferido do tempo: mas alguns olham demasiadamente para trás e outros para a frente. Difícil é olhar juntos para a mesma direção. Mas convoco meu mestre das letras, Carlos Drummond, para nos convidar para o Hoje. O hoje é o que importa.

"O tempo é a minha matéria, o tempo presente, os homens presentes, a vida presente."

Marcadores: , ,