Começar de novo

Começar de novo é um privilégio.
Poder sentir o frio na barriga que precede os saltos no escuro.
Relembrar que há um tanto que não sabemos. E este tanto é bastante.
Questionar-se.  Responder-se. Aprender-se.
Descobrir novidades.  Redescobrir preciosas antiguidades.
Saber-se vivo, caminhando, evoluindo.
Começar de novo é assustadoramente mágico.
Agradeço. Sem olhar para trás.

Marcadores: ,