Maresia

O meu contentamento é salgado.
Não doce. como as fantasias, ilusões e sonhos passageiros.
Meu contentamento é forjado em minhas lágrimas.
Entranha-se em mim com a profundidade de um ar marinho, pleno de vida, morte e tudo entre.
Meu contentamento arde nos olhos, estala na boca, esquenta o coração.
Áspero, cristalino, crocante é meu  contentamento.
http://greenlikebathwater.tumblr.com/post/31165139537
Sabor de boca de quem foi quase afogado, mas sobreviveu às ondas, á correnteza, ao chamado do fundo do mar.
Narinas latejando em busca do precioso oxigênio alcançado através de persistente nadar.
O sal da terra.
Salgado é meu contentamento.
Maresia que inexoravelmente corrói o medo, o desânimo, o cinismo, a exigência desmedida.
Dos braços de Netuno, celebro meu contentamento.
Sóbria.  Serena. E salgada.

Marcadores: , ,