Vida Margarina


Esta semana o marido viaja a trabalho.

Johanna Wright
Já andava agitada antes mesmo dele partir. Não será uma semana preguiçosa.
Muitas de minhas amigas mães "invejam" a flexibilidade do Viver Mais Simples. "Ah se eu tivesse mais tempo com meus filhos".
É verdade, eu escolho como gerenciar meu tempo e isso me dá espaço para estar presente em horários pouco usuais. E escolha é  um problema bom de se ter...
Mas...
A verdade que é ser mãe, pelo menos em nossa cultura, traz em si um grau de exigência para lá de desafiador.
E muitas vezes eu anseio por aquele momento onde vou finalmente para o escritório.
Descansar.
Um dos paradoxos mais cruéis da maternidade é este: o dia a dia dá um trabalho danado, mas ver o tempo passar é uma saudade sem fim.
Queremos que nossos filhos cresçam, sejam autônomos e parem de gritar "manhê" a cada dois minutos. Mas vê-los crescer é deixar escorrer entre os dedos estes momentos pungentes da infância, momentos que acordam a nossa criança também.
Esta semana será um "reality show" deste paradoxo.
Sem o auxílio luxuoso do companheiro, restarei eu e meu pavio curto.
Ensaio técnicas, respiro fundo. Tento deixar tudo planejado.
Mas claro, nada disso será suficiente para evitar os dramas, brigas e choradeira em geral.
Respiro fundo três vezes e escrevo estas palavras para me acalmar.
Invoco minha gratidão: quantas vezes não fui eu a viajante?
Vasculho todas as gavetas atrás de humor.
Rezo.
E delicio-me: já fazem mais de 30 minutos e eles não me chamaram nenhuma vez.
Assim esperançosa e humilde, gostaria de navegar esta semana.
Meu coração é de mãe, sempre foi.  E como tudo que sou, requer modulação e limite.
Uma semana não é muito tempo e ao mesmo tempo, é tempo bastante...
Oportunidade de aprender truques novos e revalidar os antigos.
Tempo de estar junto, criar espaços de amor e perdão.
Enfim, uma semana de possibilidades...
Desejem-me boa sorte na aventura de ser mãe solteira por sete dias, dois finais de semana incluídos...
Espero ter boas histórias para contar e poucos arrependimentos ao final da jornada...


Marcadores: ,