O que é um caminho próprio?

Viver a estrada única de cada um é difícil. A todo o tempo somos tentados a repetir padrões, usar sapatos que não são nossos.
É também ameaçador.  Se cada um arriscar-se a ser quem de fato é, muitas regras e tradições cairão em desuso.
"Isto nunca foi feito antes".  "Não dá certo se for assim".
Cada vez que decepcionamos esta crença no não poder, convidamos quem as disse a repensar sua própria história.
E isto pode ser terrível.
Será que eu realmente sou feliz deste jeito? Será que estou errado em permanecer onde estou?
Será que é preciso mudar?

A mudança traz seus preços.
O risco de não dar certo. As pontes que eventualmente é preciso queimar.  O desapontamento alheio.

Um caminho próprio não é egoísta. Um caminho próprio é ouvir sua própria voz, sem precisar calar a voz do outro. Negociação ou mesmo uma certa distância. Mas, sempre, com respeito.

Seguir um caminho próprio é honrar suas raízes, sem tornar-se escravo delas. É repetir o que é útil e descartar o que é inércia, condicionamento, pensamento automático.

O exercício da vontade. A construção da consciência.
Há pedras, muitas pedras no caminho próprio. Mas cada passo à frente é uma conquista de mais espaço dentro de nós. O caminho próprio é onde praticamos nossa asa.
É preciso persistir.
O que é está sendo difícil na sua caminhada? Como eu posso te ajudar?